2/26/2009



Afinal comecei a ver este ontem primeiro. Fez-me recordar os quinze dias que vivi em Nápoles, num subúrbio semelhante aos do filme: tal como as caras, as cores, a sonoridade única daquele dialecto napolitano (já o italiano é bom de ouvir, em especial se for uma boa discussão ou um regateio de preços, p.ex), os gritos na rua; aliás, é uma das boas recordações que tenho de Itália, ouvir o barulho da rua quando abria a janela do quarto pela manhã.

1 Comments:

Blogger FMS said...

Não gostei do filme, mas era capaz de passar mais uma semana em La Valetta, ainda mais nessa onda do que Nápoles.

quarta mar 04, 06:48:00 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home